Bem Estar Saúde

Yoga – Consciência corporal, emocional e bem-estar

Yoga – Consciência corporal, emocional e bem-estar
window.adsbygoogle || []).push({});

Yoga – Consciência corporal e Bem-estar

Esse artigo é um relato de minhas experiências pessoais que me levaram a começar praticar a Yoga. Como cristã, sempre tive preconceito com a pratica de Yoga por achar que estava 100% atrelada a religião Hindu. Por outro lado sou uma pessoa extremamente perfeccionista, estressada e ativa e sempre achei que nunca iria conseguir me desligar totalmente na pratica da Yoga. Então estava completamente errada nos meus preconceitos e achismos que só fizeram com que não experimentasse antes essa pratica tão benéfica para a saúde que e a Yoga. Tive a oportunidade de começar a praticar Yoga a aproximadamente 6 meses, nos EUA, e mais especificamente em um dos períodos mais complicados da minha vida.

Há 2 anos desenvolvi síndrome do pânico e iniciei tratamento com psiquiatra e remédios anti depressivos. Fui seguindo o tratamento mas não consegui manter atividades físicas constantes o que poderia ajudar na minha melhora. Apos 1 ano de tratamento, mudanças de remédios e etc, tive uma piora e acabei desenvolvendo depressão e pude entender o quão seria e essa doença que acomete pessoas de qualquer idade, gênero, profissão e classes sociais. A depressão afeta o pessoal, social e profissional, uma vez que o desanimo passa a dominar sua vida, fadiga, sono em excesso ou falta dele, choro em excesso e hiper sensibilidade são alguns dos sintomas. Cheguei a um ponto que os remédios anti depressivos não estavam mais dando conta do recado e passaram a causar muitos efeitos colaterais. Neste momento criei a consciência de que precisava me esforçar ainda mais e achar uma atividade física que pudesse aliviar estresse e liberar endorfinas que resultam na sensação de bem estar. Qualquer atividade física e capaz de produzir essas endorfinas e então resultar em bem estar geral.

A prática da Yoga

Por recomendação medica comecei a praticar Yoga e hoje recomendo para todas as pessoas essa pratica. A Yoga tem varias variações de praticas e em vários níveis de dificuldade como por exemplo para iniciantes como eu, intermediários e avançados como a atriz Fernanda Lima, que frequentemente aparece em posições aparentemente inacreditáveis. Tenho graduação na área de saúde e considero a Yoga como uma atividade física completa já que exige/trabalha forca, alongamento, equilíbrio e tudo isso coordenados com a respiração diafragmática. Portanto, alem de queimar calorias, fortalecer, alongar, trabalhar a respiração, ainda e capaz de promover relaxamento e bem estar geral.

Não sou uma expert nem instrutora de Yoga, mas espero que essa minha básica descrição possa ajudar outras pessoas a darem uma chance para si mesmas e para essa prática que posso dizer que tem me ajudado muito a controlar a depressão mesmo sem remédios, e com a combinação de óleos essenciais e atividade aeróbica, mais especificamente a caminhada e bicicleta.

E, diante do que tenho vivido, posso claramente concluir que a Yoga não é simplesmente exercícios, é uma forma de levar a vida e se pararmos para pensar, temos praticado desde que somos bebês! Por exemplo fazendo o alongamento do gato, para alongar a coluna. Você sempre vê as crianças fazendo algum tipo de Yoga durante o dia.

Resultados da prática da Yoga

A Yoga funciona para todos, tais como, pessoas que trabalham em um escritório, praticantes de esportes, pessoas procurando perder peso, pessoas com uma rotina intensa ou tranquila no dia-a-dia que podem ter mais qualidade de vida com a prática.

E por estar podendo experimentar resultados incríveis, posso com toda tranquilidade indicar a prática, para todos os que queiram promover um incremento de qualidade para suas vidas. Yoga tem tudo a ver com saúde e bem-estar.

Autoria – Santos, Julianna M.C.O – PhD – USA.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.

Este site usa cookies e outras tecnologias similares para lembrar e entender como você usa nosso site, analisar seu uso de nossos produtos e serviços, ajudar com nossos esforços de marketing e fornecer conteúdo de terceiros. Leia mais em Política de Cookies e Privacidade.